sábado, 16 de janeiro de 2010

PAZ

É que eu ando muito "Amor da Cabeça Aos Pés"

Então, um desses trechos que encantaram nos últimos dias:

"vimos uma margarida e nem sequer era primavera e disseste que margarida era amarelo e branco e eu disse que branco era paz e disseste que amarelo era desespero e dissemos quase juntos que margarida era então desespero cercado de paz por todos os lados"

3 comentários:

  1. que liiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiindo!
    li várias vezes pra acreditar!

    ResponderExcluir
  2. UM SOCO NO ESTÔMAGO,DEMAIS O TEXTO ANDREY!

    ResponderExcluir
  3. eu vim aqui ler de novo aiuhauihauihaiuhau

    ResponderExcluir